Confira 5 atividades para crianças curiosas

A criança curiosa precisa de atenção e estímulo para fazer descobertas e explorar o ambiente. Encorajar a criatividade dos pequenos é um meio de levá-los para conhecer o mundo de diferentes formas — com atividades lúdicas, música, artes, brincadeiras, histórias contadas etc.

Neste post, vamos conversar sobre a importância de facilitar o aprendizado das crianças curiosas e ajudá-las a serem criativas. Para isso, teremos 5 dicas de atividades que você pode realizar com seu filho e que vão influenciar de forma positiva o desenvolvimento dele. Confira!

Guia completo ajudar seu filho a aprender inglês

A importância de estimular a criatividade e curiosidade dos filhos

A criatividade é uma habilidade essencial, não apenas na vida profissional, mas em qualquer ocasião. A pessoa criativa desenvolve visão abrangente, consegue pensar fora da caixa e encontrar soluções inovadoras para problemas antigos. Isso significa assumir novos olhares e posturas, em vez de apenas repetir padrões já existentes.

A criança que tem sua criatividade estimulada aprende a ter facilidade para lidar com situações distintas, sem se sentir intimidada. Contudo, os adultos são grandes responsáveis pelo desenvolvimento do potencial criativo dos pequenos, e isso, muitas vezes, também se apresenta como um desafio para os pais.

A criatividade é um elemento associado à curiosidade, e nem sempre os adultos sabem lidar com o comportamento entusiástico das crianças curiosas. A fase dos “porquês”, por exemplo, pode ser encarada como um momento ideal para estimular o senso criativo dos filhos, e não para desestimulá-los.

O cérebro da criança segue em pleno desenvolvimento ao longo de seus primeiros anos de vida. A primeira infância é o período certo para transmitir informações variadas e favorecer o desenvolvimento de habilidades. Todos os estímulos, aprendizados e relações que seu filho constrói nessa fase vão ajudar a formar a personalidade dele e as visões de mundo.

Para exemplificar a magnitude do desenvolvimento infantil, basta observar quantas ações complexas os pequenos aprendem com facilidade: andar, falar, contar, ler, escrever e por aí vai. A vontade de aprender coisas novas e explorar o ambiente é uma demonstração saudável da capacidade das crianças curiosas. Cabe aos pais e educadores aproveitarem esse interesse para lapidar a criatividade.

5 dicas de atividades para crianças curiosas

A tendência natural do ser humano é que se desenvolva conforme os estímulos que recebe do ambiente. Então, vale a pena incluir algumas atividades na rotina da criança curiosa para que ela evolua na direção certa. Mas não se esqueça de que esse processo deve ser saudável e que cada pessoa tem seu ritmo de aprendizado.

Agora, veja 5 opções de exercícios e brincadeiras para estimular a criatividade das crianças curiosas!

1. Atividades ligadas à arte

“Numa folha qualquer, eu desenho um sol amarelo”. Com esse verso da Aquarela, conseguimos unir duas atividades valiosas para o desenvolvimento infantil: música e desenho.

Perceba o quanto os pequenos ficam interessados por estímulos sonoros desde os primeiros meses de vida. Ouvir música é uma ação que envolve diversos circuitos neurais e sensoriais, assim como outras atividades ligadas à arte que atraem a atenção da criança curiosa.

O ato de desenhar, por exemplo, desenvolve a psicomotricidade e a coordenação motora fina, além de estimular a concentração e dar espaço para ideias criativas e expressão dos sentimentos.

Nesse momento, é válido oferecer diferentes objetos e proporcionar experiências variadas à criança — com giz de cera, tintas, canetinhas etc. O incentivo à arte pode ir além dos materiais básicos e envolver colagens e manuseio de outros materiais, como recortes de revistas, pedaços de tecido, fios e até elementos da natureza.

Ensinar os pequenos a reutilizar materiais para fazer artes ou criar brinquedos também é uma forma de incentivar a criatividade, além de promover, desde cedo, a consciência de sustentabilidade.

2. Leituras

O hábito da leitura traz inúmeros benefícios para a formação da mente e deve ser ensinado aos filhos desde seus primeiros contatos com as letras. Mesmo antes de aprender a ler, a criança curiosa já demonstra interesse pelas ilustrações e gosta de ouvir histórias.

A leitura desenvolve a imaginação e a criatividade, além de trabalhar funções cognitivas como atenção, concentração e memória. O mergulho no universo dos livros também proporciona o contato com diferentes culturas e momentos históricos. Além disso, quem tem o hábito de ler aprimora a linguagem e a comunicação, amplia o vocabulário e aprende a refletir sobre valores, sentimentos e relações com o meio.

Curso Crianças

3. Criação de histórias

Se ler é um hábito saudável e produtivo, inventar histórias e escrever um livro também são ótimas ideias para entreter e educar a criança curiosa. Os maiores, que já têm noções de escrita, conseguem participar da atividade de forma mais ativa. Já os pequenos podem contribuir com o desenrolar do enredo enquanto o adulto escreve.

Depois de finalizar a produção da história, a ilustração da obra fica a cargo dos artistas mirins. Assim, você combina várias atividades educativas em uma só: criação da história, escrita, desenho e leitura.

4. Quebra-cabeças e lego

Os famosos puzzles fazem a alegria da criançada. Mas essa brincadeira vai além de propor diversão, sendo um recurso eficaz para desenvolver a concentração e o raciocínio. Crianças curiosas ficam completamente envolvidas com esse tipo de atividade e se empolgam para ver o resultado da junção das peças.

O lego é outra opção que também prende a atenção dos pequenos, aprimora suas funções psicomotoras e explora a criatividade. Com imaginação e habilidade, as crianças podem fazer diferentes construções — casas, castelos, trenzinhos, caminhões, robôs e muito mais.

5. Experimentos

Outra excelente alternativa de atividade para crianças curiosas é brincar de cientista. Fazer experimentos simples de ciências com os pequenos é um jeito divertido de oferecer conhecimento, além de analisar o modo como eles enxergam as coisas.

Pergunte ao seu filho, por exemplo, qual a opinião dele sobre a seguinte questão: “o ovo boia ou afunda?”. Faça o teste e mostre a resposta. Acompanhar a germinação de uma semente, fazer areia movediça ou construir um vulcão em erupção também são possibilidades de experimentos. Há uma série de tutoriais na web que ensinam a fazer atividades fáceis para despertar o interesse das crianças pela ciência.

Por que incluir o seu filho em um curso de inglês

Além das atividades e brincadeiras que listamos, um modo eficaz de incentivar o desenvolvimento da criança curiosa é colocá-la em um curso de inglês. Esse idioma está presente no nosso dia a dia — em desenhos, músicas, propagandas etc.

O interesse por saber o significado das palavras inglesas já é natural entre os pequenos. Portanto, vale a pena proporcionar esse contato desde cedo, quando a criança tem mais facilidade para absorver novas informações. Aprender inglês ainda na infância aumenta a criatividade, o raciocínio e a oralidade dos pequenos.

O mais adequado, para facilitar o aprendizado de seu filho, é procurar uma escola que seja referência em técnicas diferenciadas e métodos de ensino específicos para cada grupo etário. Isso porque, quanto mais jovens, mais fácil perder o foco. As crianças obtêm melhor aprendizado com atividades lúdicas, como jogos, brincadeiras, ilustrações etc. Em resumo, recursos que fazem parte do universo infantil.

Viu quantas oportunidades de estimular a criatividade da criança curiosa? Então, aproveite o interesse de seu filho por novas experiências e proporcione entretenimento combinado com conhecimento. Essa é a forma mais saudável de ajudar no desenvolvimento intelectual dos pequenos.

Gostou do tema que abordamos? Que tal receber mais conteúdos informativos como este? Assine a newsletter e receba nossas novidades em seu e-mail!

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.