Você sabe quando usar “DO” e “MAKE”?

Quando a conversação começa é comum que algumas palavras seja confundidas, especialmente se elas possuem o mesmo significado. O segredo é saber as regras de variação de acordo com a gramática e contexto.

Porém, usar os verbos “to do” e “to make” pode não ser tão simples quanto parece se não tivermos atenção. As dúvidas e possíveis erros surgem, principalmente porque ambos significam “fazer” em português.

Por isso, saber quando empregar cada ao falar inglês é fundamental para evitar confusão na compreensão. Pensando em tirar as suas dúvidas produzimos este conteúdo, então continue lendo e aprenda definitivamente quando usar “DO” e “MAKE”!

Quando usar “DO” e “MAKE”?

Primeiro, importante ressaltar que o verbo “to do” é um verbo bem mais rico que “to make” (veja as várias traduções de “to do”). Ok, mas quando usar to do e quando usar to make com o significado de fazer?

Em frases nominais, do foca no processo de agir ou fazer algo, e make enfatiza o produto ou o resultado da ação. Exemplos:

Substantivos que combinam com “do”:


Exemplos:
– I did some shopping yesterday.

– This is a very hard job to do!
– Who does the cooking in your house?

Substantivos que combinam com “make”:


Exemplos:
– I’ve just made some coffee, do you want some?
– Not many companies will make a profit this year
– Can I use your phone to make a call, please?

Esperamos que tenha conseguido entender as diferenças entre os usos e não confunda nunca mais!

Quer continuar aprendendo? Confira nosso super webinar e maximize seu aprendizado com a ajuda da internet!

Aprender inglês com a internet- Cultura Inglesa Webinar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.